Quando eu fui assediada – Um desabafo

Em 15.07.2016   Arquivado em Destaque, Pessoal, Reflexão, Vamos falar de...

Esse provavelmente é o texto mais difícil que publiquei aqui. É o texto que demorou mais de 10 anos para ser colocado para fora.

Algumas pessoas sabem disso. Aos poucos tenho tenho contado para mais gente… E eu venho criando ainda mais coragem para publicar isto na internet. Talvez eu termine de escrever e não queira publicar, mas eu sinto dentro de mim que eu preciso disso.

Eu não me lembro exatamente o ano, mas eu devia ter uns 13 anos. Mas não foi só uma vez. Todas as vezes por incrível que pareça aconteceram dentro de ônibus. Diferentes ônibus, mas ainda assim ônibus. A primeira que eu vou contar é a mais clara na minha mente e a que provavelmente desencadeou o início de traumas.

Foi de tarde, no período vespertino, horário comum para alunos irem para aula. Não era noite e as ruas estavam movimentadas. Eu era uma criança, uma pré-adolescente indo para a aula de educação física.

Eu estava de uniforme, com uma calça legging que tínhamos que usar na educação física. Sentei na cadeira do ônibus do lado do corredor, do lado de um homem que estava sentado do lado da janela. Coloquei meu fone de ouvido e comecei a ouvir música como de costume.

A caminho da minha escola eu senti o homem encostar a perna em mim. Não liguei pois ônibus é pequeno, as pessoas encostam, nem dei bola, nem olhei pro lado…

–  Tô te incomodando?  – Ele me perguntou alguns minutos depois.

– Não. – Eu disse sem olhar diretamente pra ele logo voltando a escutar minha música.

Poucos minutos depois…

– Não estou te incomodando?

Balancei minha cabeça negativamente. Mas algo estava me incomodando. Eu sentia o homem me olhar toda hora.

Eu olhei discretamente para o lado… E eu vi. Vi ele se masturbando… E eu entrei em choque.

Eu tenho um branco na minha memória. Eu não lembro o que aconteceu depois. Eu só consigo me lembrar de eu tirar meus olhos dele e olhar para frente e a partir daí eu não lembro nada.

É um vazio. E eu quero saber… Ou as vezes eu não quero saber… É um conflito dentro de mim, pois sinto que pode ser pior lembrar… As vezes acho que parou nisso, as vezes me questiono sobre se poderia ter tido algo mais e se minha mente deve ter bloqueado… Mas ainda me atormenta essa imagem e o vazio. E eu sinto tristeza, eu me sinto imobilizada, frágil, exposta…

————————-

Depois do branco que eu tenho na minha memória eu apenas tenho uma lembrança vaga de eu pensando que tinha que sair dali. E lembro de descer no ponto de ônibus e ir para  a escola chorando.

Contei para minhas amigas.

Acontece que uma amiga minha já tinha passado por isso na mesma semana. E ela me disse. Era o mesmo cara. Ele usou as mesmas palavras, o mesmo papo.

Uma semana depois outra menina passou pelo mesmo. Mas ela não ficou calada. Ela gritou ela pediu ajuda e xingou o cara. E sabe o que fizeram? NADA.

Nada… nada… nada…

Nada.

.

.

.

Apenas olharam para ela.

Ela fez B.O. Mas também não adiantou nada.

O mesmo cara com três adolescentes da mesma escola em duas semanas. Com quantas meninas ele deve ter feito isso?

Desde então eu já passei por outras situações similares. Tanto é que já sei qual o estilo de homem. Eles geralmente são mais velhos. E eles usam algo para esconder o que estão fazendo. Uma maleta… O celular…

O que aconteceu afetou minha vida. Eu fiquei com medo de usar calça legging por muito tempo… Eu não quis mais usar saias e shorts quando ia pegar ônibus. Eu nunca mais sentei do lado da janela no ônibus por medo de algum cara sentar lá… Só sento quando não tem ninguém, e se alguém entra no ônibus eu fico de olho e sempre troco de lugar.

Eu prefiro sentar do lado de mulheres. Eu criei um preconceito com homens mais velhos…

As vezes eu me sinto ser perseguida na rua se vejo um homem muito perto de mim por muito tempo.

Se um carro se aproxima de mim devagar eu já saio de perto…

Eu tive muitos medos e inseguranças… Eu senti culpa… Culpa por sentir prazer? Na verdade enquanto eu escrevo isso e choro eu percebo que ainda sinto.

MAS eu também me aproximei de uma coisa que tem me dado forças a cada dia. O feminismo.

Desde pequena eu fui feminista, com direito a criar página no twitter sobre feminismo junto com uma amiga.

O feminismo sempre me mostrou os meus direitos. Me mostrou que direitos devem ser iguais para todos. Direito de não ser vista como objeto. Direito de se sentir segura na rua tanto como qualquer outra pessoa…

O feminismo me fez perceber também que eu não estou sozinha… É por conta também do feminismo que eu estou escrevendo esse texto. Por ler depoimentos de outras mulheres eu estou criando força e coragem para soltar minha voz e eu espero ajudar alguém e mostrar que nós não temos culpa… Que nós não devemos nos sentir mal…

E eu sei que é fácil falar porque na prática é tudo diferente… E talvez nós possamos compartilhar nossas histórias e mostrar como podemos superar nossos medos , traumas e aflições.

Somos irmãs e devemos sempre caminhar juntas.

Me Before You (Como eu era antes de você)

Em 06.06.2016   Arquivado em Cinema, Destaque, Resenha
Imagem de divulgação

Imagem de divulgação

Quem está com saudades de resenhas de filmes? o/

No último sábado, dia 04 de junho fui ao cinema com meu namorado assistir Me Before You. Eu não li o livro desta vez, mas eu vi o trailer e me encantei, eu sabia que eu tinha que assistir. Sabia também que o filme poderia render algumas lágrimas, eu não estava errada.

Sinopse: Will (Sam Claflin) é um garoto rico e bem-sucedido, até sofrer um grave acidente que o deixa preso a uma cadeira de rodas. Ele está profundamente depressivo e contrata uma garota (Emilia Clarke) do campo para cuidar dele. Ela sempre levou uma vida modesta, com dificuldades financeiras e problemas no trabalho, mas está disposta a provar para Will que ainda existem razões para viver.

O filme é baseado no livro homônimo, publicado em 2012 pela autora britânica Jojo Moyes.

Atores

Tem tantos atores maravilhosos no filme!

Quando eles foram aparecendo eu fui pensando “Oh olha o Neville, de Harry Potter”, para o ator Matthew Lewis interpretando o Patrick, namorado da Louise.

“O Tywin Lannister de Game of Thrones” para o ator Charles Dance como  Steven Traynor como o pai de Will Traynor.  E CLARO eu já tinha visto a incrível Emilia Clarke no trailer. A brilhante e maravilhosa Khaleesi também de Game of Thrones.

O ator Sam Claflin que interpreta o personagem Will Traynor,  eu também já conhecia. Ele participou da saga de Jogos Vorazes como Finnick Odair, um dos personagens que sobrevive na arena dos jogos (para você que não assistiu, os jogos são jogos de vida e morte, você deve garantir sua sobrevivência, apenas um sobrevive).

Então o elenco está incrível. Eu apenas os vi atuando nestes outros contextos, então foi muito interessante vê-los atuando como outros personagens.

A química entre os atores principais foi bem gostosa de assistir. Os atores foram bem escolhidos :)

Imagem de divulgação

Imagem de divulgação

Mas a atriz Emilia Clarke me surpreendeu bastante! Ela está completamente diferente da personagem que ela interpreta em Game of Thrones. Para quem não assiste essa série, ela é uma das personagens mais amadas pelo público hahaha

Ela é a Daenerys Targaryen, Filha da Tormenta, a Não Queimada, Mãe de Dragões, Rainha de Mereen, Rainha dos Ândalos e dos Primeiros Homens, Quebradora de Correntes, Senhora dos Sete Reinos, Khaleesi dos Dothraki, a Primeira de Seu Nome. 

Sim, ela é tudo isso só para você sentir a importância da personagem rs

E neste filme ela parece tãão mais nova e diferente, ela faz caras e bocas, ela se veste completamente diferente e bizarramente. Incrível. Na foto abaixo não dá para ver direito a roupa dela, mas de qualquer forma:

Na esquerda como Khaleesi e na direita como Louise Clark

Na esquerda como Khaleesi e na direita como Louise Clark

 

Sobre amar a si próprio não importa o quê

O incrível é que no dia que eu assisti o filme eu vi um vídeo que minha madrinha me mandou, sobre uma menina que minha mãe já tinha falado também.

Ela se chama Paola Antonini. Ela sofreu um acidente quando ela estava no carro com o namorado dela e ela teve que ter a perna amputada. Eu achei a história dela incrível, ela é uma pessoa muito forte, determinada, linda por dentro e por fora. Acho que o Will do filme foi totalmente o oposto dela. Ele não vê a vida da forma como a Paola enxerga. Como valorizar ainda mais as pessoas ao seu redor, valorizar ainda mais a vida e abraçá-la, agradecer por ter ainda a chance de viver e lutar cada dia para viver cada vez mais, abrir janelas de novas oportunidades que possam surgir e viver, viver feliz e bem, aceitando a sua diferença, aceitando os seus problemas, suas doenças. Amando a si mesmo.

É isso que falta para o Will Traynor. É isso que a Louisa quer que ele enxergue no filme (:

Mas é raro encontrar pessoas como Paola. Nós devemos nos inspirar nela. Eu, você, nós devemos nos inspirar.

Para ver o vídeo da Paola no canal dela clique no player abaixo:

E para ver o trailer do filme clique neste outro :)

O que você acha que vai acontecer? O que achou do filme? Está louco para assistir?

Não coloque spoilers nos comentários. Se focar colocar avise antes para as pessoas que não viram se aterem :)

Sumiço , correria – Intercâmbio

Em 06.06.2016   Arquivado em Pessoal, Reflexão

Olá leitores!!! Este post é mais para pedir desculpas pelo meu sumiço no último mês.

Quem me acompanha aqui no blog já sabe, mas quem está vindo aqui pela primeira vez, eu estou fazendo um intercâmbio na Irlanda, em Dublin.

O último mês aqui para mim em Dublin foi muito, muito corrido, não tive muito tempo para me dedicar ao blog, a música ou outras coisas que eu estou acostumada e gosto de fazer.

Foi o mês em que achei um flat para morar finalmente depois de 2 meses e meio (aqui tem mais procura do que oferta em aluguel, então é MUITO difícil conseguir uma vaga boa), foi o mês que duas amigas minhas foram embora, foi o mês que eu tive que, junto com o meu irmão, procurar dois flatmates (colegas de casa ) para morarem com a gente , então tivemos que conhecer muita gente, muitas entrevistas…

Também foi o mês que eu consegui mudar de nível no inglês, subi um nível. Foi um mês bem estressante e corrido e não tive muito tempo para mim. Foi um mês que meu estresse ficou a mil, tive problemas de saúde de alergia por conta disso.

Mas agora eu acredito que as coisas estão se encaixando e se assentando.  Muita coisa mudou, muita coisa aconteceu em apenas dois meses e meio. Imagino o que a vida reserva para os próximos 6 meses.

Nada aqui é certo. Pode ser que eu me mude, pode ser que não. Pode ser que meu flatmates se mudem, pode ser que não. Agora é batalhar para conseguir um emprego, aumentar a dedicação no inglês e ir em busca de outros sonhos que vim procurar aqui. Talvez tudo se encaixando eu possa me dedicar também mais ao meu lado artístico que eu sinto falta.

Mas mantenham seus olhos pelo blog. Darei o meu máximo para mantê-lo atualizado. Mais uma vez, desculpem pelo sumiço!

Visto Irlanda (burocracia, como é, o que é preciso)

Em 09.05.2016   Arquivado em Destaque, Dicas, Resenha, Viagens

Post de utilidade pública!!! Você quer saber como faz para conseguir  o seu visto na Irlanda? Então seu lugar é aqui mesmo. Nesse post conto detalhadinho o processo para conseguir o nosso amado GNIB (o visto Irlandês). Leia com atenção, está recheado de dicas :)

Abrir conta no banco

A agência bancária que você vai abrir a conta depende da sua escola de inglês. Por exemplo. A minha escola é a E.L.A. (English Language Academy). Nesta escola os alunos devem abrir a conta no “Bank of Ireland“.
Se não me engano, os alunos da escola I.B.A.T. abrem a conta no banco “AIB“.

Quanto tempo demora para abrir a conta ? 

Depende de pessoa para pessoa. Mas eu e meu irmão demoramos um mês ou mais para conseguirmos abrir a conta. Isso porque você vai precisar de alguns documentos para ir até o banco.

Você vai precisar de :

  1. Carta da Escola (Bank Letter)
  2. Passaporte
  3. Seguro saúde (Com o seu endereço já da Irlanda)

Detalhe importante. Na primeira vez que você for levar estes documentos até o banco você NÃO vai abrir a sua conta. Você vai agendar um dia para retornar ao banco e agendar. Aqui funciona diferente. eles não abrem a conta na hora. Eles vão ver seus documentos, tirar cópias e vão marcar um dia para você retornar. Você vai ter um horário e uma senha. Eu peguei as 14h e eu era a primeira.

Você entrega os documentos bonitinhos e volta outro dia. Acrescente mais uma semana de espera, pelo menos.
Como eu e meu irmão chegamos em período de feriados importantes (Saint Patrick’s Day e Páscoa), nós esperamos ainda mais do que o normal, foi umas duas semanas.

Chegou o dia agendado para eu abrir minha conta

E agora? Já posso depositar meu dinheiro?

Sinto muito, mas não… Agora você espera mais uns cinco dias até receber seu cartão e senha por correio.
Não faça o depósito antes de receber seu cartão e senha. Todos aqui comentam que não é seguro. Melhor garantirmos do que ter que repetir todo esse processo não é mesmo?

Recebi meu cartão e senha e agora?

  • Agora você FINALMENTE pode ir até o banco com o seu cartão, senha e o dinheiro, é claro.
  • Se você quiser depositar na boca do caixa, ou seja, com  a pessoa no balcão, você tem que fazer um depósito maior que 3000 euros. Vamos dizer, 3001 já daria rs Eu fiz um depósito de 3050 euros.
  • Se você colocar apenas 3000 você tem que depositar pelo caixa eletrônico.

Eu não quis porque…Não sei, não confio ver meu dinheiro entrando assim pela máquina. Mas é de cada um.
(Lembrando que estou falando da minha experiência pelo “Bank of Ireland”, podem haver diferenças entre os outros bancos.)

Assim que depositar não esqueça de pegar o comprovante de que você depositou os 3000 euros. O comprovante é dado na hora do depósito. Agora o que é  importante para tirar o visto é pegar o extrato (Statement) da sua conta.

Como pegar o Statement da minha conta

No dia que você fizer o depósito você já pode solicitar o extrato. Pelo “Bank of Ireland” você vai ter duas opções:

  1. Retirar o extrato online
  2. Pedir para enviarem por correio
Minha dica é: Peça os dois. 

Você vai querer com certeza pegar o online primeiro porque você só vai precisar esperar 24h (ou menos), enquanto que o pelo correio deve demorar mais uns cinco dias ou uma semana para chegar.

Então porque pedir o pelo correio? 

Só para ter mais uma cópia e uma garantia. Pedir não vai te fazer mal, é sempre bom ter um extra.

Cadastro no banco online e pedindo seu  “Statement” online

banking online

Lembrando novamente que isto é pelo “Bank of Ireland“. Atenha-se aos detalhes da sua agência!

Primeiro você tem que se cadastrar no banco online. Você pode fazer na própria agência bancária ou em casa.
Eu fiz na agência. Eles tem um telefone que você liga e já abre a sua conta online por lá mesmo.

O que eles vão pedir?
  1. Eles vão falar por telefone com você. Vão fazer algumas perguntas de segurança. Talvez seu nome, data de nascimento, últimos números do seu cartão… Depende de pessoa para pessoa.
  2. Assim que ele identificar que você é você realmente, eles vão lhe dá um número, um ID.
  3. ESCREVA e GUARDE esse ID. Anote junto com seu papelzinho que você ganhou lá no dia que você tinha agendado para abrir a conta, lembra? Esse papel deve ser seguro de guardar.
  4. Depois do ID eles vão pedir para você criar uma senha de 6 dígitos. Ele vai dizer para você aguardar. Você vai ouvir uma gravação que vai pedir para você digitar os número e aí então digite no telefone. Ela vai pedir para você confirmar e você digita de novo.
  5. A ligação volta para o atendente e ele lhe confirma se está tudo certinho. Pronto seu banco online está no ar.
  6. Peça depois para enviarem o seu Statement online (peça no tel e peça no atendimento normal).

Em 24 horas ou menos você já pode imprimir seu Statement (lembrando que “Statement” é “Extrato” em inglês, só para vocês não esquecerem o nome para quando pedirem aqui ;D).

 

Tirando o seu visto – Imigração (GNIB)

Agora que você finalmente abriu a conta no banco e já imprimiu seu Statement, você finalmente pode ir para a imigração pegar o seu tão sonhado e suado visto.

Endereço da Imigração em DUBLIN  ->  13/14 Burgh Quay, Dublin 2

Dicas:

  • Acorde cedo se quiser ser um dos primeiros da fila. 

Mas mesmo que você seja o primeiro da fila talvez seu número não seja o número 1 porque sobram senhas do dia anterior, das pessoas que não foram atendidas e elas passam na sua frente.

  • Se você tiver aula de inglês pela manhã você pode chegar mais tarde no GNIB ao invés de madrugar na fila.

Muita gente na minha sala de inglês fez isso. Eles chegaram 08h na imigração, no horário que abrem as portas. A aula começa 09h,  Como eles chegaram esse horário a senha deles foi acima de 100 e eles só foram atendidos de tarde. Uns foram atendidos lá pelas 16h, outros pelas 17h e teve gente que foi até depois de 18h.

Então eles não perderam aula. Pegaram a senha e foram para a aula.

No facebook tem um grupo onde as pessoas publicam a senha que está no momento lá imigração. Então você pode ir para a aula ou até ir para casa depois da aula dependendo da sua senha. Clique aqui para ver o grupo.

Eu fiz um erro muito grande. Eu não fui nem tão cedo nem tão tarde o suficiente. Eu cheguei no GNIB às 07h da manhã. Então eu fui atendida 11h30 mais ou menos. Tive que perder aula. Não façam o que eu fiz. Ou cheguem cedo ou cheguem 08h.

Chegou a minha senha

Depois de uma longa espera você foi finalmente chamado! Fique atento que você vai ser chamado três vezes.

Primeira chamada

Nesse primeiro momento você é chamado pelo seu número de senha e você segue até a cabine indicada no painel (mesmo painel que você viu o número da sua senha).

  • Lá eles vão te pedir os documentos necessários para pegar o seu GNIB que são:

Seguro (com seu endereço de Dublin), Extrato da sua conta bancária, Passaporte e carta da escola.

Dependendo de quem lhe chamar eles podem pedir o comprovante da sua passagem de volta para o Brasil.

Levem tudo que é documento gente. Não brinquem com isso. Melhor levar documento a mais do que a menos. Já pensou ter que esperar tudo isso de novo? Esses documentos que eu falei são os principais. Deixe eles na frente mas se tiver mais documentos leve também.

  • Depois de checar seus documentos eles vão tirar uma foto sua e tirar duas digitais dos seus dois dedos indicadores e pedir para você pagar os 300 euros. Lembrando que não pode pagar em dinheiro vivo, apenas em cartão de crédito ou débito.
  • Depois eles vão agradecer e pedir para você aguardar ser chamado novamente.
Segunda chamada
  • Eles vão lhe chamar pelo seu nome numa salinha lá no fundo perto dos banheiros. Se atente ao seu nome, o som lá não é muito claro e eles pronunciam nossos nomes diferente.
  • Você vai entrar na salinha e eles vão tirar as digitais de tooodos os seus dedinhos e vão mandar você aguardar novamente.
Terceira chamada
  • Eles vão te chamar pelo nome novamente e vão lhe entregar o seu GNIB (um cartãozinho de plástico lindo) e seu Passaporte (também carimbando com o visto).

AÍ VOCÊ SAI SORRINDO FELIZ PORQUE FINALMENTE CONSEGUIU O SEU VISTO PELOS PRÓXIMOS 8 MESES. UHUL.

PARABÉNS.

Guarde muito bem o seu cartãozinho porque se você perder são mais 300 euros! Não queremos isso, queremos?

Espero ter esclarecido sobre o processo da abertura do banco de pegar o seu visto aqui na Irlanda. Se você tiver dúvidas é só escrever aqui nos comentários que eu vou responder no que for possível!

Howth – Dublin

Em 03.05.2016   Arquivado em Destaque, Fotografia, Resenha, Viagens

DSC09413
Howth fica há aproximadamente 15 km de Dublin.  A península de Howth tem uma vista incrível da baía de Dublin.  Quando você chega na cidade já sente a maresia e cheirinho de frutos do mar. Assim que cheguei lá bateu uma saudade de Floripa hahaha

Lá você pode comer nos restaurantes e provar deliciosos frutos do mar, caminhar pelos cliffs por meio de uma trilha e apreciar uma paisagem incrível como nessa da foto de cima. Talvez você tenha a sorte de ver focas, além de passar pelo Museu do Rádio e o Museu Nacional do Transporte, ou ver a torre Martello e ainda ver o por do sol perto do farol à beira mar.

Como ir para Howth

 

DART

Foto por © Gabriela Mitozo

 

Valor: 6 euros ida e volta de trem (DART).Você compra o ticket na própria estação de trem. Pegamos o trem na Conolly station. Você já compra o ticket ida e volta que sai 6 euros.

Eu fui com 4 amigos e meu irmão, no total de 6.  Foi bem gostoso :)

Num dia um amigo chegou para gente e nos chamou para ir, então fomos haha Mas nós fomos de tarde. Se você for de manhã com certeza vai aproveitar ainda mais. Passe o dia lá para ver as coisas com calma.

 

Museum of vintage radio

DSC09422

Na verdade eu não sei se é possível entrar neste museu. Eu só tirei foto na escada como vocês podem ver. Mas é legal mesmo vendo só de fora rs

 

Vista para Orla

DSC09426

 

O local da foto acima é no mesmo lugar que o Museu do Rádio só que do lado esquerdo. O lado que dá para o mar. Lindo não??? :)

 

DSC09437

Ainda nesse local tiramos uma foto em grupo. Estes são meus amigos, foi muito divertido. Pedimos para um senhor tirar a foto. Aí todas as fotos estávamos lá nós sorrindo comportados quando ele fala alguma piadinha sobre estamos todos sérios e todo mundo começa a rir. Acho que ele fez de propósito para a foto sair espontânea rs

O que comer

Como eu fui mais tarde, almoçamos lá para umas 15h30-16h então nós pedimos aquele famoso prato Fish and  Chips. Foi a primeira vez que comi (e única até a data de publicação deste post).

O Fish and Chips nada mais é do que peixe e batata. Nós estávamos desejando porque quando chegamos em Howth vimos MUITA gente comendo. Mas fomos num outro local e acho que não era tão bom quanto o  Beshoff Bros. Pagamos 6 euros.

Você pode pedir o pacotinho, ou pedir a sua quantidade. Eu vi que lá as pessoas chegavam e falavam: 5 peixes, 2  batatas. Algo assim.

Mas eu pedi um dos “pacotes prontos” que vinha com 3 pedaços de peixe e não sei exatamente a quantidade de batatas porque elas vem cortadas e fritinhas.

Gostoso, deu para sustentar. Precisávamos comer algo porque depois fomos fazer uma trilha.

Trilha

É tão linda essa trilha que não  consigo descrever. Não tem taantas fotos mas essas duas abaixo resumem um pouco. A parte das montanhas e flores e a parte do oceano.

DSC09478

 

Não tem como não se sentir feliz, livre, leve. O contato com a natureza sempre é revigorante!

Tem diferentes trilhas em Howth.  Essa que fomos nós não fizemos inteira porque já era tarde, mas conseguimos ver MUITA coisa. Na hora de voltar que começou a fechar o tempo e chover. Mas o tempo aqui na Irlanda é meio maluco mesmo. Em um minuto está um solzão e no outro chove granizo rsrsrs

Há uma parte desta trilha que é possível ver focas, mas não chegamos até lá. Teve uma hora que o pessoal pensou que tinha uma foca no mar mas no fim era uma boia hahahaha

 

DSC09502

 Essa parte da trilha era a mais perto do morro. Tava lindo gente!

Se você estiver passando um tempo em Dublin e estiver pensando em visitar alguma cidade próxima, não deixe Howth fora da lista. Ela é linda, de fácil acesso e você não precisa gastar muito!

Qualquer dúvida ou comentário escreva aqui nos comentários que eu ficarei feliz de responder e ajudar no que puder ^^

Página 1 de 1112345... 11Próximo
Clique para subir