Desafio das 52 Semanas – 10ª Semana: Minhas comidas favoritas são…

Em 16.06.2017   Arquivado em Desafios

minhas comidas favoritas são

Hoje é a 10ª semana do desafio das 52 semanas! O tema é : “Minhas comidas favoritas são”. Vamos dar uma olhada?

1. Chocolate

Por que né? Chocolate é chocolate e não tem explicação. Ô coisa mais gostosa do meu coração <3 (Rimou rs)


2. Tabule

Gente, eu amo salada. Mas amo principalmente Tabule. Ele compete lado a lado com chocolate kkk é que é tão refrescante sabe. Não sei explicar, só sei que amo <3 Acho que é o sangue Libanês falando mais alto hahaha


3. Pizza

Pizza é pizza… De queijo, calabresa, catupiri, chocolate, o que seja. Pizza é uma delícia e eu amo *-*

4. Sushi

A gente come num dia e acha que não vai querer de novo tão cedo mas já já tá lá a vontade de comer de novo, se duvidar até no dia seguinte rs


5. Farofa de ovo com farinha amarela do norte

Gente. Não tem explicação. A farinha amarela lá do norte é muito boa. Eu amo essa farinha! Aqui no sul a farinha é muuuito fina, parece quase trigo. A do norte é beem mais grossinha. E eu gosto assim. É tudo de bom *-*

E quais são as suas comidas favoritas???

 

Para ver os outros posts deste desafio clique nos links abaixo:

1ª Semana: Coisas que me fazem feliz…

2ª Semana: Eu nunca…

3ª Semana: Coisas para fazer no calor…

4ª Semana: Minhas citações favoritas são…

5ª Semana: Fazem parte da minha wishlist

6ª Semana: Os super poderes que eu gostaria de ter se fosse um super herói seriam…

7ª Semana: Eu sempre…

Carta aberta para o meu amor

Em 12.06.2017   Arquivado em Destaque, Pessoal
Amor

Berlim – Alemanha 2016

Amor. Tudo conspirou a nosso favor. Eu já tinha tentado tantos intercâmbios desde que entrei na faculdade em 2012… Tentei bolsas e bolsas de estudo e nada deu certo. A vida é escrita certa por linhas tortas… A gente reclama quando as coisas não dão certo, ficamos tristes, arrasados, mas depois vemos que o que aconteceu foi para o melhor. E o meu melhor foi ir no intercâmbio em 2016 para a Irlanda, pois foi lá que eu te conheci.

Em 8 meses nós passamos por muita coisa que muitos casais não passam nem metade durante anos! É difícil explicar, mas tudo é ainda mais intenso no intercâmbio. Ambos sabemos disso. E amor, foram tantos lugares que conhecemos juntos, tantas pessoas, tantos momentos inesquecíveis… E agora estamos nesta etapa de namoro à distância. Uma etapa difícil, mas necessária. E estamos conseguindo passar por ela muito bem meu amor.

Claro que às vezes quando eu caminho pela rua e vejo um casal de mãos dadas eu penso na gente. Aí eu me viro para o outro lado e vejo outro casal se abraçado, rindo, indo juntos para algum lugar… Aí eu então me imagino ao seu lado fazendo a mesma coisa.

Nessas horas, admito, eu tenho um “Q” de invejinha desses casais que moram na mesma cidade. Esse é o lado ruim da distância. Eu sei que como eu, você também sente vontade de fazer algo junto e simplesmente me ligar a qualquer hora e dizer: “Amor? Vamos dar uma saída?” ou “Amor, hoje não tô muito legal, vamos assistir um filminho em casa em baixo das cobertas?”. Ou “Amor, vem almoçar em casa aqui hoje!”. Coisas tão simples que não podemos fazer no dia a dia e dá uma falta danada…

Mas amor, ao mesmo tempo eu sei que isso é temporário. Então cada segundinho longe de você vale a pena quando penso à longo prazo. O lado positivo é que a gente sabe que tem alguém que nos ama independente de apenas um contato físico e que existe muito amor para superar essa distância. Não é todo mundo que consegue, sabe?

Te amo de um jeito único e inexplicável. Eu sei hoje que nunca amei alguém de verdade. Sabe, o amor é calmo, confiante, tranquilo, é lindo.  Eu nunca antes consegui me imaginar vendo um futuro junto com outra pessoa. E com você, às vezes eu me pego imaginando um futuro à dois, e quem sabe depois (bem depois, amor), um futuro à 3 ou à 4, quem sabe.

Londres

Inglaterra – Londres 2016

 

Um amor entre encontros e despedidas

Quando a gente se vê é tão bom, amor. Eu me sinto em paz, me sinto leve, me sinto amada, me sinto querida, me sinto simplesmente feliz e me sinto transbordar!

Aquela sensação de te esperar no aeroporto ou na rodoviária e ver você saindo pela porta … Ou quando eu estou do outro lado e estou chegando aí e te vejo no final da escada rolante, me esperando com o sorriso mais lindo que eu poderia desejar <3 Só a gente sabe.  Minha vontade é de pular no seu colo e te abraçar e te dar muitos beijos!

 

saudade

 

É bom saber que eu tenho um namorado tão lindo, tão especial, tão companheiro, tão maravilhoso, tão fofo, tão romântico, tão inteligente, tão especial, tão …tão…tão ÚNICO. O que mais eu poderia pedir, meu Deus? Acho que eu achei uma pessoa tão perfeita para mim que ele quis fazer uma prova real. Aí te colocou longe de mim para nos testar hahaha Mas nos estamos mais que aprovados, meu bem.

Talvez este nosso próximo encontro seja o que ficaremos mais tempo distantes. Mas já sabíamos disso. São fases e fases. Mas juntos nós conseguimos vencer a distância. Porque, amor. Eu te amo independente de você estar longe ou perto. Eu te amo com todos os seus defeitos e qualidades. Eu te amo do jeito que você é.
Sabe, existe aquela famosa frase: “O amor é cego”. Eu não concordo com ela. Eu acho que a paixão é cega. Eu já falei disso num post lá de 2014.

Lá eu digo:

O amor não é cego. Na verdade o amor é capaz de enxergar tudo. Não! Melhor que isso, ele enxerga e aceita o que vê. Se você realmente ama alguém você aceita a pessoa como ela é, você a ama mesmo com os seus defeitos.

E é assim que eu te amo amor. Em cada detalhe. Em cada pedaço. Em cada instante. Para todo sempre. Feliz dia dos namorados meu lindo. O segundo de muitos e eternos que virão <3

amor me carregando

Metrô Berlim – Alemanha 2016

 

PS: Lembra dessa foto? Ela representa bastante a gente ein? rs Eu te amo.

 

Dica especial para quem namora à distância:

Agora dá para assistir ao Netflix juntinhos, mesmo distantes fisicamente !!! Isso mesmo!

É só clicar  nesse link . Você deve abrir o link no Google Chrome. Só funciona nele. Nesse endereço você tem outro link que é para instalar uma extensão. Quando instalado vai aparecer um ícone “NP” no canto superior esquerdo do seu navegador Chrome.

Um dos dois pombinhos abre a Netflix no filme ou série escolhido e clica nesse ícone para ativar a extensão. Vai aparecer um link para você mandar para o seu (sua) amado (a) . Ele clica no link e clica no ícone da extensão também. “Voilà”. Tudo lindo. Agora vocês assistem o filme ao mesmo tempo. Quando um pausa o filme, no pc do outro ocorre o mesmo! Não é genial?

Desafio das 52 Semanas – 9ª semana: Pessoas que eu gostaria de conhecer

Em 05.06.2017   Arquivado em Desafios

Pessoas que eu gostaria de conhecer

Na 9ª semana do desafio das 52 semanas o tema é : “Pessoas que eu gostaria de conhecer e/ou ter conhecido” (Lembrando que este post já foi publicado na última sexta-feira na Fanpage do blog. Para acompanhar as publicações do desafio por lá e só clicar nesse link e curtir a página).

Eu fui escrevendo sem parar (até dar 5 pessoas) e quando eu percebi minha lista de quem gastaria de conhecer só tinha mulheres hahaha

1.J.K. Rowling

Que sonho seria conhecer esta mulher, meu Deus <3 Rainha criadora do livro que mudou minha infância e vida. Musa criadora de Harry Potter.
Não sei nem que perguntas eu faria pra ela quando eu a encontrasse. Acho que eu começaria a chorar de emoção hahahah

2.Emma Watson

Outra que tem ligação com Harry Potter rs Linda, inteligente, ótima atriz, feminista, engajada, Hermione e agora Bela. Como não amar essa mulher?
Quer ser minha melhor amiga? rs

3. Amy Lee

Já vi esta mulher ao vivo com sua voz diva e arrebatadora. Mas não tive a oportunidade de conversar e tirar fotinho  Mas ela já respondeu uma pergunta minha pela internet *O*
Para quem não sabe, é a vocalista do Evanescence.

4.Hayley Williams

Não te vi ao vivo AINDA, mulher. Mas eu vou, aah se vou. Paramore vem pro Brasil de novo, por favor
Essa é outra que me encanta com a voz aiaiai

5.Christina Aguilera

Deusa da voz suprema e maravilhosa. Sua voz literalmente me arrepia. Também AINDA não te vi ao vivo. Mas ah se vou. Sonho maior ainda seria você me dar uma aulinha de canto. Eu seria a pessoa mais feliz do mundo hahaha

Fiz uma lista de quem ainda posso conhecer e fiz uma lista sobre pessoas que eu gostaria de ter conhecido mas não é mais possível. Acho que era para fazer tudo em uma lista só, mas achei mais interessante escrever desse jeito. Vamos checar?

1. Meus avós por parte de mãe e pai

Nunca tive a chance de ter meus avós por perto. Não sei como é isso. Queria muito tê-los conhecido

2. Chico Xavier

Homem iluminado e sábio. Seria ótimo tê-lo conhecido.

3. Elis Regina

Já admirava essa mulher e a sua voz, mas depois que o filme dela foi lançado admirei mais ainda. Acho que seria muito interessante trocar umas ideias com ela

4. Mozart

Ele era um gênio da música. Ia querer dicas e aulas com ele.

5.Marilyn Monroe

Ela era uma mulher forte, independente que vivia à frente de seu tempo. Com certeza ela teria se dado melhor nos tempos de hoje quando há uma luta maior contra o machismo.
Seria ótimo conversar com ela!

E você? Gostaria de conhecer ou ter conhecido alguém?

 

Para ver os outros posts deste desafio clique nos links abaixo:

1ª Semana: Coisas que me fazem feliz…

2ª Semana: Eu nunca…

3ª Semana: Coisas para fazer no calor…

4ª Semana: Minhas citações favoritas são…

5ª Semana: Fazem parte da minha wishlist

6ª Semana: Os super poderes que eu gostaria de ter se fosse um super herói seriam…

7ª Semana: Eu sempre…

Desafio das 52 Semanas – 8ª Semana: Os melhores filmes infantis que assisti foram…

Em 05.06.2017   Arquivado em Desafios

filmes infantis

Na oitava semana do desafio das 52 semanas o tema da vez é : “Os melhores filmes infantis que assisti foram…”

(Lembrando que este post já foi publicado no Facebook, acesse a Fanpage do blog para acompanhar o desafio por lá).
Devo admitir que foi BEM difícil escolher apenas 5 filmes. Praticamente impossível. Tem muitos outros que eu colocaria na lista. Acho que gosto de filmes infantis rs
Para resolver meu dilema decidi listar apenas filmes de animação, se não ainda teria filmes antigos que eu assistia na infância que teriam que entrar na lista.

Segue a lista dos 5 filmes abaixo:


1. A Bela e a Fera (1991 animação)

Meu filme de princesas favorito <3


2. Toy Story

Esse não podia faltar, né? Fez parte da minha infância. E quem não chorou com o 3º filme? rs


3. Monstros S.A

Ain gente. Adoro todos os personagens. E sou apaixonada pela Boo <3 Assisti algumas muitas vezes rs


4.Procurando o Nemo

Procurando Nemo…Onde é que ele tá? (Leia em baleiês )
Quem nunca imitou a Dory? rs
Filme maravilhoso. E adorei a continuação de Procurando a Dory também <3


5. Mulan (1998)

Tá, eu ia colocar outro mas pensei e mudei. Amo Mulan também. Ela é um referência princesa heroína <3 Adoro as músicas do filme hehe

E vocês? Quais filmes infantis que vocês adoram?

 

Para ver os outros posts deste desafio clique nos links abaixo:

1ª Semana: Coisas que me fazem feliz…

2ª Semana: Eu nunca…

3ª Semana: Coisas para fazer no calor…

4ª Semana: Minhas citações favoritas são…

5ª Semana: Fazem parte da minha wishlist

6ª Semana: Os super poderes que eu gostaria de ter se fosse um super herói seriam…

7ª Semana: Eu sempre…

Encruzilhadas da vida e profissão: Eu amo o que eu faço?

Em 31.05.2017   Arquivado em Destaque, Pessoal, Reflexão

Eu ia escrever um post falando sobre paixão mas lembro que já escrevi isto algum tempo atrás quando questionei se o amor era cego. Lá eu acabei por diferenciar amor de paixão. Para ver o post completo clique aqui 🙂

Resolvi então abordar hoje sobre a paixão de forma diferente do que a de um sentimento amoroso entre duas pessoas. Mas a paixão para com a sua profissão. Você tem paixão pelo que faz?

A maioria das pessoas vive e trabalha sem seguir a verdadeira paixão. Mas isso também se dá pelo sistema que vivemos. Precisamos de dinheiro para sobreviver, então nem sempre seguir sua paixão vai te dar um retorno financeiro bom e rápido. Isso é algo muito triste de se pensar.

Estou numa fase de refletir sobre isso e me aperta o coração. Parece que o mundo de adulto independente, que precisa de dinheiro para fazer a vida, está batendo na minha porta. Termino a faculdade este ano e as perguntas sobre o que realmente é a paixão da minha vida batem à porta.

Eu sempre me imaginei fazendo algo que eu gosto, que me traga paixão. Mas agora eu nem sei mais o que eu gosto. Para vocês entenderem melhor… Eu faço faculdade de música, mais especificamente, Bacharelado em Piano. Que já é algo diferente do que a maioria das pessoas costuma fazer. Geralmente quem faz música faz pelo prazer, não pelo dinheiro. Por que né?   Cadê a valorização ? rs

Então eu sempre pensei desse jeito. Quero fazer algo que eu gosto. O retorno financeiro virá por conta própria, pois quando amamos ou temos paixão por algo, fazemos aquilo bem. Logo, fazendo algo bem as pessoas te procuram e você vai ter uma vida tranquila em relação ao dinheiro.

Mas acontece que eu sinto que estou diferente de como quando entrei na faculdade. Aquela paixão, aquele fogo de prazer não está mais aqui. Não sei se é porque eu imaginei que na música seria uma coisa e foi outra.Ou se é por não saber que área da música seguir quando eu terminar a graduação… Ou se é porque eu queria ter oportunidade em outras áreas da música das quais não me especializei e penso que agora não dá mais tempo. Ou ainda porque eu queria tocar mais, ou porque meu estilo é outro… Ou quem sabe até porque eu realmente deixei de ver a música como uma meta de trabalho mesmo. Eu me pergunto: Será que no fim é só um hobbie?

E até já me questionei: Será que estou com medo de seguir essa área e não me realizar profissionalmente e financeiramente e isso me deixa assustada e me faz pensar que não é mais o que eu quero?

Passos para se auto-conhecer?

Leda Carter via Flickr
Tem coisas na música que eu acho que gostaria de fazer mas não sinto que eu seja boa nisso. A faculdade me fez pensar isso. Eu sei que ainda amo música. Mas será que de forma profissional?

SERÁ que eu realmente não quero ou o sistema me fez não querer? Será que ainda existe aquela paixão dentro de mim? Será que eu consigo? Será que vale a pena tentar? Será que eu não me daria melhor em outra área? E se eu não for boa no que eu quiser seguir?

Eu não sei mais o que eu gosto de fazer e isso me assusta. Eu não sei mais qual é minha paixão. Isso não é desesperador?

Vi alguns sites falarem sobre passos de auto-conhecimento.

Seguia mais ou menos assim : Se avalie, se conheça.
Bom, isso eu já fiz.

O seguinte passo poderia ser algo como: Questione-se do porquê da sua insatisfação.

Já me questionei sobre a causa da minha insatisfação. Mas talvez  algumas coisas eu não tenha conseguido enxergar completamente. Mas sei que uma das minhas insatisfações é a minha insegurança que não me faz seguir em frente. Nesse caso, o que eu faço? Ninguém tem uma fórmula secreta para nos ajudar a auto desvendar esses mistérios do nosso ser.

E aí que então eles mandam o terceiro passo: Procure um profissional para ajuda.

Então talvez os profissionais tenham uma “fórmula secreta” rs Pelo menos eles têm uma fórmula para guiar o paciente e ajudá-lo a descobrir.
Bem que podiam compartilhar isso com o mundo né? hahaha Não quer dizer que depois eu não possa ir num profissional. Mas nem sempre isso é possível, sabe? Tempo, condições financeiras, locomoção…

Paixão ou amor?

Lá em cima eu comentei sobre um post que fiz diferenciando amor de paixão (Post: O amor é cego?). Nele eu falo que a paixão é quando vemos tudo lindo e maravilhoso no outro e apenas depois de um tempo que começamos a enxergar os defeitos.

Será que foi isso que aconteceu comigo na música? Eu via tudo lindo e maravilho e agora que a paixão passou eu só enxergo os defeitos ?

Mas lá eu também digo que a paixão pode sim virar amor. Nessa etapa você enxerga e aceita os defeitos do outro.

Será que eu mesma me dei a resposta quando escrevi o post em 2014? Nesse caso não são bem “defeitos”. São dúvidas e questionamentos. Mas podemos analisar da mesma forma.

Talvez eu esteja naquela encruzilhada que devo decidir por um caminho ou outro. Ou eu vou transformar a paixão em amor ou vou largar a paixão e mudar de caminho.

Mas como compreender a fundo se é paixão ou amor? Para onde devo seguir? Vou passar o resto do ano refletindo isso da maneira mais calma que eu conseguir. Mas com certeza vocês vão descobrir por aqui o que eu decidir ! Até lá vou vivendo a vida. Um passo e um dia de cada vez.

Página 1 de 1612345... 16Próximo
Clique para subir